• Loja: Seg - Sex: 10:00 - 19:00 | Sáb: 12:00 - 19:00
    Loja física aberta apenas levantamento de encomendas
  • Rua do Breiner 372 Porto

Fotografia 'Nevoeiro matinal' no Porto

20.00

Disponível por encomenda a fornecedor

Fotografia ‘Nevoeiro matinal’ na ponte Luis I no Porto by João Cabral.
Assinada pelo autor

Impressões Fujifilm Minilab, em papel acetinado / mate,  apresentado num passpartout branco (com corte chanfrado) e apoiada numa placa de cartão.
A moldura não está incluída
Dimenões: 15 x 23cm

Veja mais trabalhos deste fotografo neste link.

João Cabral nasceu no Porto e é licenciado em Artes Plásticas, Pintura, pela Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto. Estudou fotografia no Instituto Português de Fotografia. O seu trabalho actual consiste numa abordagem sistemática da fotografia a preto e branco, arquitetura e fotografia de rua como uma forma de expressão, criando imagens intemporais com narrativas pessoais ligadas à imaginação e ao passado, à infância e à passagem do tempo.

A Ponte Luiz I, é uma ponte em estrutura metálica com dois tabuleiros, construída entre os anos 1881 e 1888, ligando as cidades do Porto e Vila Nova de Gaia (margem norte e sul, respetivamente) separadas pelo rio Douro, em Portugal.
Esta construção veio substituir a antiga ponte pênsil que existia no mesmo local e foi realizada mediante o projecto do engenheiro belga Théophile Seyrig, que já tinha colaborado anteriormente com Gustave Eiffel na construção da Ponte de D. Maria Pia, ferroviária.
Como o Rei de Portugal, D. Luiz I, não compareceu na inauguração, o povo portuense retirou o Dom do nome da ponte, motivo pelo qual se chama apenas ponte Luiz I. Chamar ponte D. Luiz é um erro comum mas que retira a coragem do povo da cidade. Na entrada da ponte do tabuleiro inferior está gravado na pedra “Ponte Luiz I”

Porto é a segunda cidade e o quarto município mais populoso de Portugal, situada no noroeste do país. A cidade tem 41,42 km² de área, e uma população de 237 591 habitantes dentro dos seus limites administrativos, sendo subdividido em sete freguesias.

É a cidade que deu o nome a Portugal – desde muito cedo (c. 200 a.C.), quando se designava de Portus Cale, vindo mais tarde a tornar-se a capital do Condado Portucalense, de onde se formou Portugal. É ainda uma cidade conhecida mundialmente pelo seu vinho, pelas suas pontes e arquitetura contemporânea e antiga, o seu centro histórico, classificado como Património Mundial pela UNESCO, pela qualidade dos seus restaurantes e pela sua gastronomia, pela sua principal equipa de futebol, o Futebol Clube do Porto, pela sua principal universidade pública: a Universidade do Porto, colocada entre as 200 melhores universidades do Mundo e entre as 100 melhores universidades da Europa.